João Cunha – Bateria

Bio

João de Castro Pacheco da Cunha nasceu em Paredes.

Estudou percussão na Escola Profissional de Música de Espinho e posteriormente na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo com Miguel Bernat, onde concluiu no ano de 2003 a Licenciatura com a nota máxima no recital final do curso.

Obteve o prémio de mérito da Fundação Engenheiro António de Almeida.
No mesmo ano, ingressa no curso de Jazz/Bateria com Michael Lauren, na mesma instituição, onde viria a concluir em 2006.

Desde o ano de 2000, tem-se apresentado em concertos, com diversas formações, em Portugal, Espanha, França, Bélgica, Alemanha, Angola e Brasil. No campo de Percussão toca com o grupo Drumming, do qual é membro, e também como músico convidado com o Remix Ensemble. Trabalhou e tocou com Ivan Lins, Michael Bolton, Antony & the Johnsons, Maria Schneider, Patrícia Barber, Mayra Andrade, Rick Margitza, Chris Cheek, Bill Carrothers, Phil Grenadier, Glen Velez, Bob Sands, António Serrano, Eric Sevá, John Gunther, André Sarbib, Laurent Filipe, Orquestra de Jazz de Matosinhos, Jacinta, Carlos Azevedo, Massimo Cavalli, Diogo Vida, Luísa Sobral, Miguel Araújo, o grupo “Os Azeitonas”, entre outros.

Em registo, participou em diversas gravações para a Antena 2, participou também como membro do grupo Drumming, na gravação do disco de Bernardo Sassetti “Unreal Sidewalk Cartoon”, na gravação para a edição de “Música Presente, perspectivas para la música del siglo XXI” e na gravação de “Pocket Paradise” do compositor Jesús Rueda para a editora Diverdi/Anemos em Espanha. Gravou o disco “This is It”, de André Sarbib; “Alegria”, com o quarteto de Diogo Vida. Actualmente exerce funções de professor no Conservatório de Música do Vale do Sousa, na Academia de Música de Espinho e na Escola Profissional de Música de Espinho. Em 2014 concluiu o Mestrado para o Ensino da Música na Universidade de Aveiro.

 

Anúncios